4 dicas de contabilidade para dentistas

Tempo de leitura: 3 minutos

Você pode realizar uma raiz com perfeição e detectar uma cárie a uma milha de distância, mas quando se trata da gestão financeira do seu consultório, você se sente um pouco menos confiante. Claro, você consegue gerenciar o dinheiro e enviar as notas para seu contador, mas já pensou que há algo nesse processo que poderia ser feito melhor?

Se você, assim como grande parte dos dentistas, está se perguntando se está fazendo sua contabilidade do jeito certo, este post traz 4 dicas de contabilidade para dentistas que podem te ajudar. Para quem quer melhorar a precisão, a eficiência ou simplesmente solucionar problemas, esses dicas básicas de contabilidade podem ajudar a seguir na direção certa.

1. Mantenha suas finanças pessoais e empresariais completamente separadas

Mesmo se você é o único proprietário de sua própria clínica odontológica, a primeira dica de contabilidade para dentistas é que você trate seu negócio e suas finanças pessoais como duas entidades distintas. Manter suas finanças empresariais e pessoais separadas é fundamental.

Você até pode até pensar que deixar tudo junto é muito mais simples, mas com o tempo as coisas podem acabar se complicando. Por isso, ter uma conta jurídica do consultório é a melhor opção. A boa notícia é que fazer essa abertura pode ser bem simples. Isso facilitará a identificação dos pontos onde sua gestão financeira podem ser melhorados e dos tributos e impostos devidos.

2. Familiarize-se com a contabilidade

A contabilidade para dentistas pode lidar com todos os aspectos da contabilidade de pequenos consultórios. Na maioria dos casos, você pode agrupar suas contas e faturas, entregá-las para eles em papel, e eles fazem o resto. Mas essa não é a melhor abordagem.

Um software de contabilidade de boa qualidade torna mais fácil para você participar do seu processo contábil. Simplificará tarefas simples da contabilidade para dentistas, como faturamento, enviando automaticamente a fatura e registrando seu conteúdo ao mesmo tempo.

3. Decida pelo melhor regime tributário

Como dentista, legalmente falando você pode trabalhar como profissional liberal ou abrir sua própria empresa e ter seu CNPJ. Não há resposta certa sobre qual é a melhor opção, já que isso dependerá de cada caso.

Como pessoal física, o profissional deve usar o Livro Caixa para fazer seus lançamentos das despesas dedutíveis, como pagamento de funcionários, utilidades públicas, aluguel, entre outros. Como empresa, é possível optar pelo Simples Nacional, pelo Lucro Presumido ou pelo Lucro Real.

4. Considere contratar a contabilidade para dentistas online

Quando você obteve seu diploma, provavelmente estava ansioso para começar a praticar odontologia, não administrar os livros para o seu escritório. Se você atualmente está contando com pouco suporte do seu contador tradicional, é hora de mudar isso. Assim como os pacientes do milênio, a contabilidade para dentistas também passou a usar muito mais da internet para otimizar seus processos.

Por meio da contabilidade online, você pode aumentar sua eficiência dramaticamente e levar a maiores lucros ao longo do tempo. Seja um pequeno consultório odontológico ou uma grande clínica, essa solução pode se adaptar exatamente às suas necessidades. Este é o passo mais importante para a estabilidade financeira que você pode fazer para sua prática.

Por sua vez, você poderá se concentrar mais em seus pacientes e serviços. Para manter a área financeira da sua clínica organizada, optar pela contabilidade online é sem dúvidas a melhor opção. Escolhendo o parceiro certo, será possível rastrear os pagamentos dos pacientes, além de gerar e enviar faturas e fazer sua conciliação bancária.

Não espere até que suas finanças se tornem muito complexas para pensar na melhor forma de gerenciá-las; siga essas dicas e comece hoje a planejar o sucesso de sua prática odontológica.

Perguntando se é o momento certo optar pela contabilidade online? Leia também nosso post sobre ela e veja como essa opção pode facilitar sua rotina!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *